Nota de Esclarecimento

700
visualizações

À Comunidade Acadêmica
A Biblioteca Central da UFPA vem a público manifestar-se sobre o episódio ocorrido no dia
22 de novembro, em que na saída de alguns usuários o detector de alarme acionou e foi
solicitado a estes usuários voltarem e realizarem novamente a correta desmagnetização do
material a ser emprestado, sendo este o procedimento padrão para todo e qualquer
frequentador do espaço, sejam DOCENTES, DISCENTES OU TECNICOS
ADMNISTRATIVOS. Este mecanismo de controle, realizado pela biblioteca, evita o furto de
obras, garantindo assim a disponibilidade do acervo àqueles que dela necessitam. Porém
um dos usuários se recusou a cumprir o pedido, e como de praxe foi impedido sua saída
da biblioteca, até o correto esclarecimento do motivo pelo qual o alarme foi disparado. Em
protesto, o usuário se pendurou no aparelho de antifurto correndo o risco de danificar o
patrimônio da instituição.
Diante de tal circunstância, enfatizamos que a Biblioteca é um espaço para além do
usufruto acadêmico, mas também de sociabilidade, cultural e democrático. O atendimento
aos usuários é equânime, e são absolutamente condenáveis crimes que ferem os
princípios da honra e da dignidade humana por parte dos servidores e da gestão da
Biblioteca Central. Não praticamos e nem permitimos atitudes de preconceito e
discriminação associadas às diferenças de qualquer etimologia, pois não condizem com
nossos conceitos. A propósito, nosso espaço passou por várias reformas, principalmente
na adequação à acessibilidade, exatamente para permitir o uso da Biblioteca sem
exclusões e/ou discriminações, e principalmente melhorias para o acolhimento da
comunidade acadêmica e sociedade em geral. E como é de conhecimento de todos, a
categoria dos técnicos administrativos está em greve, a favor da democracia e contra a
destruição de direitos, porém sendo o usuário nossa principal prioridade, a direção apenas
reduziu seu horário de funcionamento, objetivando continuar a prestar seu suporte à
comunidade acadêmica no ensino, pesquisa e extensão, principalmente aos discentes que
estão estudando normalmente.
Ressaltamos ainda, que a importância do cumprimento das regras da Biblioteca deverá ser
considerada por todos, independente de cor, gênero, crença, classe social, ideologia, ou
qualquer outra diferença seja inerente ao espaço plural e democrático de uma
universidade.
Para apurar o caso, providências cabíveis estão sendo tomadas pelas autoridades
competentes.
Agradecemos a atenção.
Cordialmente,
Direção da Biblioteca Central.