Como utilizar Inteligência Artificial na Elaboração de Trabalhos Acadêmicos

Parte 3

em
3878
views

Anteriormente…

Muitas plataformas baseadas em IA ganharam popularidade na internet e não demorou muito para que ferramentas, como ChatGPT e Chat Bing dominassem as rotinas acadêmicas dos estudantes. São ferramentas úteis, mas devem ser aplicadas com ressalvas, sobretudo no contexto acadêmico.
Algumas das características que impõe questionamentos em tais ferramentas são:
Muitas vezes a fonte de pesquisa não é clara e não é possível verificar o grau de confiabilidade das informações. Os chats possuem uma limitação de tempo, eles buscam por informações até 2021;
Ao gerar textos com citações, não terá variação de autores;

Isso não quer dizer que nenhuma plataforma deva ser utilizada, afinal elas ainda estão em desenvolvimento e têm a melhorar suas funcionalidades. A BC preparou uma lista de sites que utilizam a Inteligência artificial e que podem ser utilizadas para produção acadêmica.
Antes de listarmos, atenção nos seguintes tópicos:

  • Quando gerar um texto, revisá-lo e tratá-lo como rascunho. Cheque a veracidade a aplique edições no texto para que faça sentido no trabalho.
  • As ferramentas apresentadas conseguem operar no idioma português, mas por estar em desenvolvimento, recomenda-se o uso do Inglês.

Apresentando:

Elicit

É um conjunto de ferramentas baseada em IA, que fornece algumas soluções úteis para pesquisadores. Funciona a partir de um mecanismo de busca e através dos resultados é possível habilitar algumas funções. Também é possível fazer perguntas diretas, buscar por assuntos, autores ou títulos e os resultados serão artigos científicos. Quando alguma resposta for selecionada, será permitido utilizar a potência máxima dessa IA. Basicamente a IA fará uma análise e responderá perguntas com os dados do artigo, como: métodos utilizados, críticas encontradas, menções, impacto das citações e se o documento é confiável. Para essa interação com o artigo será criado um ambiente de chat e você ainda pode fazer outras perguntas além das automáticas, até mesmo utilizar tarefas disponíveis na plataforma, como detalhar o conceito, operacionalizar, pedir definição de conceitos, dentre outras.

Caso não encontre um artigo específico, é possível enviar arquivos pdf e iniciar uma interação completa com o artigo enviado.

Recomendado para analisar artigos encontrados, utilizando as ferramentas para extrair citações do texto, verificar credibilidade, ler resumos das seções do artigo e entender os dados apresentados no trabalho.