Como utilizar Inteligência Artificial na Elaboração de Trabalhos Acadêmicos

Parte 2

em
26218
views

Anteriormente…

Muitas plataformas baseadas em IA ganharam popularidade na internet e não demorou muito para que ferramentas, como ChatGPT e Chat Bing dominassem as rotinas acadêmicas dos estudantes. São ferramentas úteis, mas devem ser aplicadas com ressalvas, sobretudo no contexto acadêmico.
Algumas das características que impõe questionamentos em tais ferramentas são:
Muitas vezes a fonte de pesquisa não é clara e não é possível verificar o grau de confiabilidade das informações. Os chats possuem uma limitação de tempo, eles buscam por informações até 2021;
Ao gerar textos com citações, não terá variação de autores;

Isso não quer dizer que nenhuma plataforma deva ser utilizada, afinal elas ainda estão em desenvolvimento e têm a melhorar suas funcionalidades. A BC preparou uma lista de sites que utilizam a Inteligência artificial e que podem ser utilizadas para produção acadêmica.
Antes de listarmos, atenção nos seguintes tópicos:

  • Quando gerar um texto, revisá-lo e tratá-lo como rascunho. Cheque a veracidade a aplique edições no texto para que faça sentido no trabalho.
  • As ferramentas apresentadas conseguem operar no idioma português, mas por estar em desenvolvimento, recomenda-se o uso do Inglês.

Apresentando:

Consensus IA

O Consensus IA (Beta) é um mecanismo de busca que aproveita o poder da inteligência artificial para extrair informações diretamente de pesquisas científicas, fornecendo aos usuários respostas baseadas em evidências para suas consultas. O Mecanismo é alimentado pelo GPT-4, e usa uma combinação de processamento de linguagem natural, aprendizado de máquina e tecnologia blockchain para analisar e avaliar o conteúdo da web.

O Consensus IA funciona melhor quando se faz a “pergunta certa” o que pode ser entendido como “certo”, está nesta lista de sugestões, elaboradas pelo cofundador da empresa, Eric Olson:

Você pode fazer perguntas em português, mas os resultados ainda não são satisfatórios quanto os resultados em inglês, portanto recomenda-se pesquisas em outro idioma até que a versão em português esteja aprimorada.

  • Faça perguntas sobre tópicos que provavelmente foram pesquisados

Não faça perguntas sobre fatos amplamente conhecidos;

  • Faça perguntas de pesquisa direta relativamente simples;
  • Não faça perguntas de pesquisa extremamente restritas e obscuras;
  • Faca consultas procurando a relação entre dois conceitos.

Os resultados são apresentados em formato de lista com uma resposta para a pergunta (totalmente baseado em artigos científicos), ao clicar na resposta, o leitor é redirecionado para o trecho do trabalho com citações para a resposta. Nas respostas também é possível encontrar marcadores que conferem credibilidade ao trabalho e informações relevantes sobre a revista. Por fim, é possível acessar a referência do trabalho consultados, exportá-la com a ferramenta integrada para criar citações (APA, MLA, Chicago e BibTex) das respostas.

Recomendado para entender conceitos e buscar por citações. Ao pesquisar um tema é possível encontrar o artigo de onde aquele conceito foi extraído a partir disso é possível ler o artigo original e compreender mais sobre o assunto.

Leia aqui a parte 3: https://bc.ufpa.br/como-utilizar-inteligencia-artificial-na-elaboracao-de-trabalhos-academicos-3/